terça-feira, 27 de janeiro de 2015

A 'TRAGÉDIA" DE MARÍLIA...

Texto publicado no site -www.ferroviariadeararaquara.com.br


Colunistas - Wilson narra quebra pau no Ferro-Mac 26/10/2010



A “catástrofe" de Marília

Em dezembro de 1971. A Ferroviária foi jogar no Estádio “Abreuzão”, em Marília, contra o MAC, pelo Paulistinha, que era um torneio realizado anualmente entre equipes do Interior. As melhores colocadas conseguiam vagas para o Paulistão do ano seguinte.

A Ferroviária jogava por um empate. O “Abreuzão” lotado e Oscar Scolfaro, no apito

O jogo foi tumultuado, nervoso, catimbado, principalmente por parte da equipe local.

E ao final, o empate de 1 a 1 ficou estampado no placar do estádio mariliense.

Mas logo após o encerramento do jogo, “quebrou o maior pau”, envolvendo jogadores do MAC e centenas de torcedores que pularam o alambrado (parecia leite derramando pelas beiradas da leiteira) - comparando uma coisa e outra.

Eu, narrando o jogo pela Cultura, me emocionei tanto que cheguei a chorar em plena transmissão.,

O meu compadre, engenheiro Luiz Antonio Matoso, residente em São Carlos e que sempre acompanhava minhas transmissões, ficou super-nervoso e acordou sua esposa Marilú e juntos “puxaram” o terço

Carros depredados, vidros quebrados, foi uma “zorra” total..





Colunistas

>>> Notícias de outubro
>>> Notícias de outros meses


- A Locomotiva nos trilhos da emoção !

primeira
página


sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

GETÚLIO - NOME DE RESPEITO...

Também no site - www.ferroviariadeararaquara.com.br, , eu publiquei esta matéria referente ao goleiro Getúlio.






Colunista - Wilson Luiz faz recorte na fama do "gato" 22/07/2010



E o ‘portero’ “Getúlio”?

Na digressão de l968, pelos gramados da América do Sul, Antilhas e América do Norte, tive a satisfação de ouvir muitas indagações de colegas “periodistas” sobre alguns atletas da Ferroviária.

E entre os citados, o nome do goleiro Getúlio Cruz, era o mais comentado. Para quem não sabe, o inesquecível arqueiro da AFE, XV de Piracicaba, São Paulo e outros Clubes, esteve defendendo a Seleção Olímpica de Futebol do Brasil, em temporada preparatória, por aquelas “bandas.”

E deixou por lá uma fama indescritível. Os colegas falavam da maravilha do futebol do goleiro brasileiro. E como todos sabiam que ele pertencia à Ferroviária, perguntavam sobre o seu paradeiro. Não me lembro bem, mas o Getúlio naquele ano de 1968, estava no XV ou no São Paulo.

Nos comentários, principalmente dos colombianos de Barranca Bermeja, Bucaramanga, Barranquilla e outras, Getúlio era citado como “ um gato” no gol, tal a sua agilidade

É minha gente, este Clube grená de Araraquara tem histórias e mais histórias pra contar. Ajudou a escrever a história do verdadeiro e clássico futebol brasileiro, daqueles tempos. Hoje em dia, vejam os exemplos da Copa da África, o futebol pátrio passou a ser mais “burocrático”, em detrimento às suas verdadeiras origens, e entre as quais, a inesquecível Academia do Interior, a nossa gloriosa ASSOCIAÇÃO FERROVIÁRIA DE ESPORTES.

Wilson Silveira Luiz
narrador esportivo, jornalista, assessor de imprensa da Secretaria
Municipal de Esporte e Lazer de Araraquara



MTb 33.099




>>> voltar colunistas


- A Locomotiva nos trilhos da emoção !

primeira
página


A VISITA A HELENO NUNES...

Artigo por mim publicado no site
www.ferroviariadeararaquara.com.br



Colunistas - Wilson Luiz retrata visita à CBD - 5/6/2010



Heleno Nunes –“ A Ferroviária é um exemplo.”

*Wilson Silveira Luiz



Em 1978, uma delegação afeana esteve na sede da então CBD, hoje CBF, no Rio de Janeiro, para convidar o presidente Heleno Nunes para conhecer Araraquara e o Estádio da Fonte Luminosa

Fizeram parte dessa delegação, Dr. José Welington Pinto, Antonio Eugênio Nogueira da Gama e José Alberto Gonçalves .(Gaeta)

E representando a crônica esportiva de Araraquara, este colunista, na condição de presidente da Associação dos Cronistas Esportivos de Araraquara (ACEA).

O presidente da CBD, já falecido, acabou não vindo para Araraquara por falta de vagas em sua agenda.

Entre vários comentários sobre a Ferroviária, um destaque estampado em página interna da Revista Araraquara no Nacional – edição nº 6 de 1978.

“Embora não conheça Araraquara, tenho ouvido muitos elogios sobre a Associação Ferroviária de Esportes e sei do seu passado, da sua tradição. Portanto, não me surpreende a visita de vocês, que aqui estão hoje, com o objetivo de me convidar para ir até sua hospitaleira cidade”.

“É claro, que a resposta só pode ser positiva, pois entendo que, também assim, com a presença do seu presidente, a CBD estará fortalecendo o futebol do Interior do Estado de São Paulo, esse Interior extraordinário, celeiro inesgotável, que tantos e tantos craques tem oferecido ao futebol brasileiro.”

Interessante. Ao sair de viagem para o Rio, emprestei do inesquecível Geraldo Moreira, de O Imparcial, uma máquina Olympus ,daquelas antigas e que precisavam de revelação dos filmes, preto e branco.

Não tinha flash e eu achei esquisito, mas mesmo assim, levei a máquina até o Carminho Tucci. Pensei que não tinha sido registrado nada. Rezei. A capacidade do profissional da família Tucci, conseguiu “salvar” E são estas fotos (abaixo), da capa e três internas da Revista Araraquara no Nacional, que registraram essa visita histórica.

Ainda bem!

* jornalista, locutor e assessor de imprensa da secretaria municipal de Esporte e Lazer de Araraquara

Mtb 33.099




quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

BOCA DO LIXO - SAUDADES

Mátéria, por mim inserida no site www.ferroviariadeararaquara.com.br
Cidu, Mingão Funileiro, Mingão Batateiro, Gasolina e a Torcida Boca do Lixo

* Wilson Silveira Luiz – Mtb.33.099.

Entre tantos fatos históricos da trajetória da Associação Ferroviária de Esportes, há que se destacar a importância da chamada Boca do Lixo, que agregava fanáticos torcedores da equipe grená de Araraquara.

Mingão Batateiro, Mingão Funileiro, Cidú e Gasolina , eram praticamente os comandantes da simpática torcida.

Não tinha tempo ruim para eles.

O Mingão Batateiro teve um lance curioso numa das partidas da Ferroviária. Atirou seu rádio Mitsubihi contra a arbitragem. E o policiamento acabou devolvendo o rádio pro Batateiro, que ficou com o prejuízo, pois o rádio ficou todo danificado.

Em Julho de 1972, quando comecei a trabalhar na Rádio Cultura, tive a alegria de sentir de perto, a força daqueles heróicos torcedores.

Foi no Canindé num jogo AFE e Portuguesa de Desportos.

Ouvir a própria Rádio, fora de casa, pra mim foi uma agradável novidade. Os 62 metros da Cultura “rasgavam” o éter do Mundo todo. E eu senti a alegria de mandar um alô para os integrantes da Boca do Lixo que estavam lá no alto das arquibancadas do Estádio da Lusa.

Que gostoso foi receber dos simpáticos “rapazes” o “abanar” de braços e mãos, me saudando.

E a história da “Boca” é recheada de fatos inusitados.

Neste registro que faço, manifesto o reconhecimento pela maravilhosa caminhada de todas as torcidas da Ferroviária.

O Torcedor da Ferroviária sempre foi um privilegiado por apoiar uma das maiores glórias do futebol do Interior do Brasil.

E tenham quase a certeza, Mingão Batateiro, Mingão Funileiro, Cidu, Gasolina, e outros tantos milhares de amantes da AFE, quer estejam entre nós ou não, que em 2012,estaremos de volta à Divisão de Elite do futebol paulista. Escrevam e confiram!

* Jornalista, radialista e assessor de imprensa da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de
Araraquara


a.com.br

FERROVIÁRIA EM SÃO JOSÉ DO RIO PRETO



FERROVIARIA ENCERRA PREPARATIVOS
Neste sábado,(23) às 4 horas da tarde, em São José do Rio Preto, a Ferroviária realiza seu último jogo-treino, antes das disputas do Campeonato Paulista da Divisão A-2.
No Estádio Anisio Haddad os grenás enfrentam o Rio Preto E C.
Resumo dos amistosos realizados até aqui, com o propósito de organizar o elenco visando o acesso que é o maior sonho dos torcedores afeanos.
Empate -2 a 2 com o sub-20 do Botafogo, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.
Empate sem abertura de contagem com o MAC, no Estádio “Abreusão” em Marília.
Vitória de 3 a 1 sobre o Sertãozinho, na cidade de Luiz Antonio.
Derrota por 1 a zero para o Rio Claro, na ARENA DA FONTE LUMINOSA.
Vitória de 2 a 1 sobre o C.A. Penapolense, na ARENA DA FONTE LUMINOSA.
A AFE faz seu primeiro jogo na Divisão A-2 de 2015, na 2ª feira, dia 2/2 às 20 horas, no Estádio Silvio Sales, em Catanduva, contra o Grêmio Catanduvense.
-.-.-

COPA UNIÃO ESTADUAL DE BOCHA


MELUSA NA COPA UNIÃO
A Copa Estadual Inter-Clubes de duplas masculinas de bocha, vai começar em fevereiro.
O Melusa Clube está incluido na chave com o Regatas de Ribeirão Preto e Cândido Rodrigues.
A Copa União foi criada em São José dos Campos e agora é oficializada pela Federação Paulista de Bocha e Bolão.
-.-

A SAIDA DO DOUGLAS ONÇA...

DOUGLAS FORA? PORQUE ?

A anunciada saída de Douglas Onça do cargo de técnico para ocupar a Coordenadoria do futebol feminino da Ferroviária, não está bem explicada.
Normalmente, quando uma equipe não vai bem, o técnico "paga o pato." Na AFE, o Douglas Onça só tem vitórias. Seu trabalho tem sido, simplesmente sensacional. Porque mudar ?
Dizem que a função de coordenador é necessária,em razão das muitas providencias que devem ser tomadas, todos os dias.
Nada mais normal que ser contratada uma pessoa para essa função.
O Léo, por acaso ?  Seria uma excelente escolha. O Léo fez um trabalho fantástico no futsal feminino. O Douglas Onça continuaria no comando técnico e o Léo seria um reforço considerável, na Coordenação, ou então como Auxiliar Técnico. E para a Coordenadoria seria contratado, de preferencia, alguém com o perfil de Administrador. Tudo certo. Mas trocar um técnico acostumado a colher títulos e mais títulos, para fazer experiencia com um jovem promissor profissional, eu acho, besteira. O próprio Léo deve estudar muito bem essa proposta.
A Copa do Brasil vai começar no dia 4. E depois tem Campeonato Paulista, Certame Brasileiro, Jogos Regionais, Jogos Abertos e a 1ª participação na Taça Libertadores da América.
Espaços conquistados, graças ao trabalho  de Douglas Onça.
Vamos pensar nisso, gente do futebol feminino ?
W S L
-.-

domingo, 18 de janeiro de 2015

LIBA TEM NOVA DIRETORIA


A NOVA DIRETORIA DA LIBA
Foi empossada a Diretoria da LIBA-Liga Bochófila de Araraquara, para o biênio 2015//2016.
Composição
Presidente - Flaviano Barbosa Leite
Vice-Presidente – Augusto Martins Taveira
1º Secretário –Samuel Bahdur Pupin
2º Secretário – Paulo Nakashima
1º Tesoureiro – José Augusto Manduca Ferreira
2º Tesoureiro – Geraldo Gomes de Oliveira
Conselho Fiscal - Efetivos
Gilberto Geraldo Griffoni, Antonio Affonso do Amaral e José de Souza.
Conselho Fiscal – Suplentes
Elídio Pinheiro, José Carlos Gasparone e Wilson Silveira Luiz
-.-

domingo, 11 de janeiro de 2015

MARADONA E JAIR BALA

Foi no Ginásio de Esportes da Portuguesa de Desportos,em São Paulo,que o jornalista Wilson Brasil, realizou mais uma festa de congraçamento do esporte mundial.
A entrega do Troféu Gandula, era uma espécie de "Óscar"do mundo esportivo.
Dieguito Maradona estava no auge. Na foto ilustrativa, ele aparece ao lado do nosso considerado Jair Bala.
É só  pra recordar.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

FERROVIÁRIA -ano 1










Colunistas - Wilson Luiz também é do nosso time! 4/02/2010






A primeira vez, ninguém esquece...

Wilson Luiz



1968 – Digressão da Associação Ferroviária de Esportes pelos gramados da América Central, das Antilhas e parte da América do Norte.

Essas, hoje, tão comuns, portas transparentes que se abrem com a simples chegada da gente, pertinho alguns centímetros, na época era novidade para todos nós da Delegação da AFE. (eu inclusive)

Mas a nota curiosa coube ao nosso inesquecível bom meia direita, Zé Luiz.(hoje residente em São José dos Campos)

E acrescente-se que o Zé Luiz era um dos melhores da posição em todo o País, digno até de uma convocação para a Seleção Brasileira. E essa convocação não veio, para tristeza de todos nós que admirávamos a excelência do futebol do nosso “Super Zé.”

Pois bem. Chegamos em Miami Beach, a bordo de um avião da Pan American.

Excluindo o Peixinho que já era “macaco velho” em excursões internacionais, especialmente com o Santos FC, o “resto” era tudo “marinheiro de primeira viagem.”

Todo mundo querendo pisar o solo da Terra de Tio Sam. O nosso Super Zé, saiu na frente. E com as duas enormes malas, foi para a tal porta de vidro. Chegou bem pertinho e colocou as malas no tapete.. As portas se abriram como num passe de mágica.O Zé Luiz assustou-se. Ficou espantado,pegou as malas, levantou-as e afastou-se. As portas fecharam. Colocou de novo as malas no tapete e a porta de vidro abriu novamente. Foi uma festa, ver de perto a alegria do Zé, pegando e largando as malas.

E quando saímos do aeroporto, nos servimos de uma “vagonete”, ou van, como queiram e fomos para o Hotel Saint Moritz. E o Zé continuou a esbanjar a sua alegria por estar nos ‘States”. O motorista era um exilado cubano. E o Zé punha a cabeça pra fora do veículo e gritava “mãe eu estou nos Estados Unidos.”

São simples detalhes, por mim anotados, e que de agora em diante, estarei expondo aqui nesta coluna do site Ferroviária de Araraquara.



(Seja bem vindo a nossa maluca paixão pela Ferroviária, irmão Wilson Luiz!)
Da Redação.

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

ESQUECERAM DE AVISAR A TORCIDA

E O TORCEDOR QUE SE ...
O “imbróglio” de domingo passado na ARENA DA FONTE LUMINOSA, merece reflexão especial.
Por etapas – a regulamentação existe e deve ser seguida à risca. E a Polícia Militar está certíssima. O seu papel é garantir segurança. E nesse particular, Araraquara é uma cidade privilegiada. Dificilmente é feito qualquer registro de violência no nosso maravilhoso Estádio.
Quanto ao Corpo de Bombeiros, todos os quesitos estão preenchidos.
E a Prefeitura, proprietária do Estádio, está correndo atrás das providências, segundo declarações da Diretoria da Morada do Sol Eventos.
E tendo como base, que tudo deva estar de acordo com as normas , até o inicio da Divisão A-2, a Diretoria ficou tranquila.
A decisão da interdição tomou todo mundo de surpresa.
Até aí, tudo bem. Lei foi feita para ser cumprida. Policia Militar está certa. Prefeitura e Diretoria da Morada do Sol , agiram corretamente. (é lógico que se houvesse a possibilidade da repentina interdição, outras providencias seriam tomadas.)
Certo ? Não.
Esqueceram de avisar os torcedores. Se todos soubessem que o Estádio seria interditado, ninguém iria para a FONTE.
Teve gente que se deslocou de outras cidades. Aqui de Araraquara, muitos anteciparam a hora do almoço para chegar ao Estádio no “esquisito horário” das 14 horas.( hora normal de Brasília seria 13 horas.) E como diria o inesquecível Wagner Jose Bellini estava uma “canícula senegalesca” ).
Isto vale dizer, “o torcedor que se.......”.

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

PARA REFLETIR...

O FIM É O PRINCIPAL...

INICIO, MEIO e FIM...

Provérbio prá cá, Provérbio prá lá.
Afinal de contas o que é principal ?... o começo, o meio ou o fim ?
Um bom começo é bom, mas se não tiver um bom meio, o fim será ruim.
Um mau começo não é o ideal. Mas se houver necessidade para aprimoramento, que venha o mau começo. E de sobra, as normas ideais para as devidas corrigendas.
E o meio não tem sido satisfatório ?
Mas pode melhorar.
O fim. Este sim é que deve ser bom. Afinal de contas é bom terminar bem, em qualquer coisa.
Então qual é a receita ?
Se começou bem, deve fazer esforço para continuar bem. E o meio é a continuação. O fim é a concretização.
De qualquer forma que se tenha começado, o mais importante é a conscientização do que devemos ou não corrigir.
Resumindo – a vida é um suceder interminável de consertos. E sempre com o objetivo de obter um bom fim.
Assim sendo – um bom fim pra todos.

(Autor desconhecido)

-.-.-.-

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

LUCIANO É TRI-CAMPEÃO DA SANTO ONOFRE




SANTO ONOFRE 2014
400 participantes inscritos e muitos outros que tomaram parte, mas como avulsos.
Prova Pedestre de 7 mil metros, realizada na tarde do dia 31/Dezembro/2014, com saída e chegada em frente aos portões das piscinas da ARENA DA FONTE LUMINOSA.
Categoria Principal – masculino
1º -Miguel Luciano, da cidade de São Carlos, integrante da Equipe Marcelo Cabrini. (trí-campeão da tradicional prova).2º - Anderson de Souza: 3º - Lucas Cardoso; 4º - Gustavo Pereira; 5º - José Mário Gonçalves.
-.-
Categoria principal – Feminino
1º - Tainara Alves Cardoso; 2º - Josiane Barroso; 3º - Noeme Maria Pereira; 4º - Mariana Alves; 5º -Tatiane Rodrigues Fernandes.
-.-
Categoria – Masculino - mais de 70 anos- 1º - Manoel da Silva Neto
-.-
Categoria –Masculino - 60 a 69 anos – 1º - Josias da Costa Rufino;2º - Arivaldo Geraldo e em 3º - Nivaldo dos Santos .
-.-
Categoria – Feminino – 60 a 69 anos – 1º - Maria dos Santos Cabrini; 2º -Edna Souza Melo e em 3º - Maria das Graças Janantonio.
-.-
Outros premiados de Araraquara –Masculino – João Nunes de Souza Ferreira e Francisco Kaleu da Silva.
-.-
Feminino – Mariana Pícoli, Daiane Alves de Souza e Mariana Galiani.
-.-